Bolsonaro diz que bloqueio de 30% nas despesas da educação foi necessário para cumprir LRF

Em viagem aos Estados Unidos, o presidente Jair Bolsonaro comentou o bloqueio de 30% nas despesas da educação pública, que leva milhares de manifestantes às ruas de todo o país hoje (15).

 

Bolsonaro disse que a arrecadação do governo prevista pela equipe econômica da gestão do ex-presidente Michel Temer não foi alcançada. Por isso, a necessidade de fazer contingenciamentos nos ministérios e órgãos federais.

 

Durante a tarde, Jair Bolsonaro teve uma reunião privada com o ex-presidente dos Estados Unidos George W. Bush. E amanhã (16), recebe o prêmio de personalidade do ano da Câmara de Comércio Brasil-Estados Unidos.

 

Aqui no Brasil, o presidente em exercício, Hamilton Mourão, avaliou que o governo precisa explicar melhor o esforço para equilibrar as contas.

 

Mourão também comentou os protestos. Disse que as manifestações fazem parte do sistema democrático, desde que sejam pacíficas.

 

 

* Com informações de Andreia Verdélio, da Agência Brasil

Fonte: Rádio EBC