Empinar pipa nas férias é pra lá de bom; mas atenção com a rede elétrica

No período das férias aumentam os acidentes envolvendo a rede elétrica, principalmente com crianças e adolescentes que saem às ruas para empinar pipas.

 

Pode parecer uma atividade inofensiva mas apresenta sérios riscos.

 

Só em 2018 foram gastos mais de R$ 800 mil na remoção de objetos das redes elétricas de cerca de 3,8 mil pontos do Distrito Federal.

 

De acordo com a CEB, a Companhia Energética de Brasília, a maior preocupação é em relação ao uso do cerol e da linha chilena.

 

Os materiais, quando entram em contato com a rede elétrica, podem causar curtos-circuitos e até mesmo o rompimento dos cabos de energia, podendo resultar em choques elétricos fatais.

 

Para o engenheiro de Segurança do Trabalho da CEB Eduardo Sampaio, durante as férias os cuidados devem ser redobrados.

 

O engenheiro afirma que o alerta não é só para as crianças. Os adultos também devem ficar atentos, principalmente na hora de podar árvores, instalar antenas e até mesmo colher frutas.

Fonte: Rádio EBC