'Encontro internacional' para dissolução do ETA é marcado em maio

<p>Um “encontro internacional” para alcançar uma “paz justa e duradoura” no País Basco se dará em 4 de maio em Cambo-les-Bains, no sudoeste da França, anunciou nesta segunda-feira (23), o mediador internacional Raymond Kendall.</p><p>”Celebraremos um novo encontro internacional em Cambo em 4 de maio de 2018 (…), que será primordial no avanço do processo de paz definitivo”, declarou o especialista britânico, membro do Grupo Internacional de Contato (GIC), que trabalha a favor de um processo de paz no País Basco, durante uma entrevista coletiva em Bayona.</p><p>”Os bascos demonstraram uma clara determinação de avançar em um objetivo de alcançar uma paz justa e duradoura (…). Estamos certos de que haverá novos avanços em um futuro próximo, no mês de maio”, acrescentou Kendall, em francês.</p><p>A organização separatista basca ETA disse, na semana passada, que anunciará sua dissolução durante o primeiro fim de semana de maio, no País Basco francês, mediante uma declaração “muito clara”.</p><p>”A declaração de que o ETA já não existe vai ser muito clara. As palavras não podem ser mencionadas. Mas não vai restar dúvidas a ninguém”, garantiu na quinta-feira passada Alberto Spectorovsky, também membro do GIC.</p><p>O ETA pediu na semana passada perdão às vítimas pelo “grave dano” causado durante sua luta armada pela independência do País Basco, um gesto prévio a sua esperada dissolução – embora suas desculpas dirigidas apenas aos afetados “sem responsabilidade” tenham gerado polêmica na Espanha.</p><p> * AFP </p><!– contentFrom:cms –>
Fonte: Diário Catarinense