Jandrei comemora com a filha o retorno das vitórias

Jandrei comemora com a filha o retorno das vitórias
<p>Já era próximo das 18h30 e o jogo contra o Corinthians tinha acabado há mais de meia hora mas o goleiro da <strong>Chapecoense, </strong> Jandrei, ainda vestia o uniforme amarelo na área mista da Arena Condá. Num braço a toalha verde do clube. No outro braço o motivo que fez o goleiro atrasar o banho. A filha Pietra, quatro anos, queria comemorar do Dia dos Pais com o goleiro.</p><p>- Ela disse que a vitória foi por causa de uma musiquinha que ela fez e que irá cantar para mim depois – disse o goleiro, com o sorriso aparecendo atrás da vasta barba.</p><p>A alegria era imensa por poder comemorar um dia tão especial com uma vitória inédita sobre o Corinthians. Vitória essa que tirou o peso de uma sequência de sete jogos sem vencer, entre Brasileirão e Copa do Brasil.</p><p>- A gente sabia que seria um jogo difícil, ninguém gosta de estar na zona de rebaixamento, mas conseguimos os três pontos o que nos dá mais confiança para a sequência do campeonato – disse o goleiro, que antes da partida também entrou em campo com a filha no colo.</p><p>Zoe e Diogo, filhos de Canteros, não tiveram esse privilégio. Antes do jogo a mãe teve que explicar que o papai estava no banco. Mas no segundo tempo Tito Canteros entrou no lugar de Diego Torres e iniciou a jogada do gol da virada. O argentino tocou para Márcio Araújo, que chutou cruzado. Cássio espalmou e Doffo fez o gol da virada.</p><p>No fim, todos os papais chapecoenses puderam comemorar com seus filhos.</p><p><br></p><p><strong>Leia mais notícias sobre a </strong> <strong>Chapecoense</strong> <strong><br>Confira a tabela do </strong> <strong>Campeonato Brasileiro da Série A</strong> </p><!– contentFrom:cms –>
Fonte: Diário Catarinense