Jovem de Palhoça é a segunda mulher mais bela do Brasil

Jovem de Palhoça é a segunda mulher mais bela do Brasil
Jovem de Palhoça é a segunda mulher mais bela do Brasil Lucas Ismael/Band/Divulgação

Sabrina Meyer, de Palhoça, ficou em segundo lugar no Miss Brasil

A miss Santa Catarina, Sabrina Meyer, levou o título de segunda mulher mais bela do país no concurso Miss Brasil, realizado em São Paulo, na noite de quarta-feira. A jovem de Palhoça foi eleita em junho para representar o estado no concurso, e fez bonito diante dos jurados. A vencedora foi Miss Rio Grande do Sul, Martina Brandt.

Foram meses de preparação até o confinamento com as outras misses, que começou em 12 de novembro. Diversas provas, sessões de fotos, ensaios, aulas de passarela e entrevistas foram realizadas no período até o grande dia.

Frequentemente comparada a top model da Victoria’s Secret Candice Swanepoel, Sabrina não é novata no universo dos concursos. Aos 16 anos, a jovem venceu o Verão Top Model, da RBSTV, e desde então despontou para o mundo como modelo. Já passou pela China, Hong Kong, Macau, Tailândia, Chile e Europa, sempre brilhando nas passarelas e ensaios fotográficos. Justamente quando voltou para Palhoça, no fim de 2014, para um período com a família, recebeu o convite para representar a cidade no concurso de miss, e topou o desafio.

A produtora de moda Kenia Costa, que descobriu Sabrina no concurso ainda adolescente, diz que não surpreende vê-la conquistando espaço:

— A Sabrina é linda e sabe que é. Ela sempre foi extremamente segura e determinada, e essa determinação é importante para quem quer evoluir. Além de ter uma beleza impressionante, ela pega as coisas muito rápido, vi que ela se inseriu rapidamente no mundo das misses — disse Quênia.

Sabrina nasceu em São José, viveu parte da infância em Paulo Lopes e com 10 anos se mudou com a família para Palhoça, onde vive até hoje. Na cidade ela terminou o ensino médio, e logo partiu para as viagens internacionais como modelo.

Na manhã desta quinta-feira, a jovem falou por telefone com a reportagem:

Grupo RBS — Como foi participar do concurso?

Sabrina: Estou muito feliz, saio com a sensação de dever cumprido, de ter dado o meu melhor. Este era meu objetivo desde o começo, representar bem Santa Catarina. Fazia 10 anos que não iam loiras para a final, e recebi apoio de todo o Brasil, de gente que não imaginava.

Grupo RBS — Como foram os preparativos?

Desde que ganhei o Miss SC, em julho, comecei a me preparar para o concurso nacional. Na semana de confinamentos tivemos muitas provas, júri técnico, ensaios. Eu sempre tentei me manter tranquila, tentava não pensar muito, a convivência com as meninas foi muito boa.

Grupo RBS — Qual foi a sensação quando você viu que estava entre as finalistas?

Sabrina: Não sei nem explicar. Fiquei muito feliz quando fiquei no top 10, depois no top 5 e quando anunciaram eu e a Marthina (Miss RS) como finalistas fiquei mais feliz ainda, pois ficamos muito amigas. Sei que ela vai representar muito bem o Brasil no Miss Universo.

Grupo RBS — Quais são seus planos após o concurso?

Sabrina: Essa semana vou descansar um pouco, mas pretendo continuar na carreira de modelo, ainda não sei se vou viajar logo, mas o concurso com certeza vai abrir muitas portas, o pessoal da Ford Models gostou bastante de mim, então acredito que vou trabalhar com eles.

topo Leitores On Line
Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com