Mengão segue para Lima com Rio coberto de vermelho e preto

O Rio se vestiu de vermelho e preto diante da expectativa do fim de um jejum de 38 anos, do Flamengo na Taça Libertadores da América.

 

A última vez que os rubro-negros levantaram a taça da Libertadores foi em 1981, com um time formado por supercraques como Zico, Júnior, Mozer, Adílio e Nunes.

 

Os jogadores embarcaram na tarde desta quarta-feira (20) para o Peru, onde disputam no próximo sábado (23) a final da Taça Libertadores da América contra o River Plate, da Argentina.

 

Do Centro de Treinamento Ninho do Urubu, na zona oeste carioca, até o Aeroporto Internacional do Galeão, a cidade assistiu a um cortejo de milhares de torcedores rugro-negros para a despedida.

 

Eles foram desejar boa sorte ao time, que chega a final histórica comandado pelo técnico português Jorge Jesus.

 

Houve até um princípio de tumulto no local e policiais tiveram que intervir.

 

Do aeroporto a equipe do Flamengo seguiu para Lima, a capital peruana. O palco da grande final será o Estádio Monumental de Lima.

 

O Estádio do Maracanã será aberto para receber cerca de 50 mil pessoas que vão poder acompanhar o jogo em 10 telões e ainda se divertir com shows. Os ingressos estão sendo comercializados pelo próprio Flamengo.

Fonte: Rádio EBC