Polícia prende dois líderes do crime organizado no Rio

Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) prenderam hoje (3) Alcides Francisco da Silva, 45 anos, conhecido como “Óleo da CDD”, suspeito de chefiar o tráfico de drogas na Cidade de Deus, em Jacarepaguá, uma das comunidades mais violentas do tráfico de drogas da zona oeste do Rio. A prisão ocorreu durante uma abordagem na Rodovia Niterói-Manilha (BR-101), em São Gonçalo, região metropolitana do Rio.

Policiais rodoviários federais realizavam ronda, no km 308 da BR-101, no sentido Campos. Durante a fiscalização, o ocupante de um carro abordado apresentou um documento falso.

Ao realizar pesquisa nos sistemas de segurança, os policiais constataram que o suspeito não era a pessoa do documento apresentado. Ele fazia parte da lista do Portal dos Procurados do Disque-Denúncia e tinha três mandados de prisão por homicídio e tráfico de entorpecentes. O suspeito é líder da facção criminosa Comando Vermelho.

O Portal dos Procurados oferecia uma recompensa de R$ 5 mil por informações que levassem à prisão do criminoso. A ocorrência foi encaminhada à 72a delegacia policial (São Gonçalo).

Outra prisão

A Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) da Polícia Civil prendeu na manhã desta terça-feira o miliciano Paulo Jesus de Aguiar Junior, conhecido como Sarpimpim. Ele estava assumindo o controle da comunidade do Terreirão, no Recreio dos Bandeirantes, zona oeste do Rio e chefiava a comunidade, Santa Maria, em Curicica, também na zona oeste.

Ele foi preso em flagrante após policiais da Draco realizarem um cerco na Avenida das Américas, no bairro do Recreio. Ele não resistiu à prisão. Com Paulo Jesus de Aguiar Júnior foram apreendidos uma pistola, um veículo clonado, facas, munição e uma farda camuflada.

De acordo com investigações da Draco, o Terreirão é uma das comunidades mais antigas controlada por milicianos.

 

Fonte: AGÊNCIA BRASIL