Suprema Corte dos EUA decide a favor sobre detenção de imigrantes com antecedentes

<p>A Suprema Corte dos Estados Unidos decidiu nesta terça-feira em favor do governo do presidente Donald Trump no caso sobre a detenção de imigrantes com antecedentes criminais.</p><p>O mais alto tribunal confirmou o argumento do governo de que as autoridades podem deter a qualquer momento e por tempo indeterminado as pessoas com esse perfil por cinco votos a favor e quatro contra, segundo um documento publicado pelo tribunal.</p><p>O juiz Samuel Alito destacou que não é tarefa do Tribunal impor um limite ao tempo que os imigrantes podem ser detidos depois de cumprir uma sentença.</p><p>Já o juiz Stephen Breyer questionou que, quando o Congresso aprovou a lei, tinha “a intenção de permitir que o governo detivesse pessoas anos após sua libertação da prisão e as mantivesse indefinidamente detidas sem uma audiência.</p><p>Esta decisão do Tribunal responde a um recurso apresentado por um tribunal inferior, que decidiu a favor dos imigrantes, numa sentença que, segundo o governo, afetou a capacidade de deportar estrangeiros que cometeram crimes.</p><p>O governo Trump tem uma postura dura em questões de imigração e atualmente muitas de suas decisões foram contestadas na Justiça e devem ser resolvidas pela Suprema Corte.</p><p> * AFP </p><!– contentFrom:cms –>
Fonte: Diário Catarinense